SESCOOP/BA capacita cooperativas para utilizar o ESocial

Apesar de não ser um assunto recente, a implantação do eSocial, sistema público de escrituração digital que unifica todas as obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas das empresas, instituído pelo Decreto nº 8.373/2014, está na agenda do dia. Como forma de preparar as cooperativas baianas para se adequarem a essa nova medida governamental, o Sescoop/BA promoveu mais um curso sobre o eSocial.

Sobre o curso

A capacitação foi composta por cinco módulos (de dezembro/2018 a fevereiro/2019) e orientou profissionais que atuam nas áreas contábil, fiscal e de recursos humanos das cooperativas regulares com o Sistema OCEB sobre a transição dos sistemas atuais das suas cooperativas para a nova ferramenta, apresentando regras legais e operacionais para gerar as informações que serão lançadas na plataforma online do eSocial.

A metodologia do curso favoreceu a troca de experiências e o instrutor, José Luís Vieira, esclareceu as dúvidas de forma clara e objetiva, como destacou uma das participantes, Márcia Barreto, coordenadora administrativa da Cooperativa de Trabalho Multidisciplinar de Prestação de Serviços e Assistência Técnica – Coopermulta: “O Sescoop/BA e a OCEB tiveram uma brilhante estratégia quando ofertaram esse curso sobre o eSocial  para as cooperativas, digo até, ter sido um dos melhores cursos que participei, devido à importância e integração do grupo e a troca de experiências. Tivemos a oportunidade de participar, interagir, sanar dúvidas, ver o acesso ao eSocial, discutir passo a passo, praticar e assimilar cada aprendizado”.

Se antecipar em relação às obrigações que estão por vir e as que estão em vigor, exigindo mudanças, organização e estratégias foram aspectos tratados durante as aulas. “O treinamento foi muito bom pela forma como foi desenvolvida sua agenda. Deu para permear todos os eventos do eSocial com uma certa tranquilidade, apresentando para os participantes o modo de operar o sistema, ressaltando que é imprescindível que eles se apropriem do próprio sistema de folha das suas empresas, dos procedimentos que serão necessários e a observância dos prazos”, explicou o instrutor.

Para Dijailma dos Santos, contadora da Cooperativa de Trabalho dos Profissionais de Saúde – Coopermédica, ter acesso a conhecimentos relacionados ao eSocial é de grande valia, não só para as cooperativas, mas para todas empresas do país. E acrescentou: “Acredito que, de modo geral, nós terminamos o curso capacitados a lidar com todo o processo do eSocial para aplicação nas cooperativas. Provavelmente,  aqui ou ali ainda vão surgir algumas dúvidas, mas diante da excelência do curso, seremos capazes de resolver, de forma coerente e consciente, as divergências operacionais que surgirão no dia a dia diante da sistemática do eSocial”.

Mais uma capacitação que cumpre o objetivo do Sescoop/BA de “ampliar o acesso das cooperativas às soluções de formação e qualificação profissional”.

Por Ascom Sescoop/BA

Deixe uma resposta